Pular para o conteúdo principal

#Funk - Basta de preconceito e criminalizarão musical


    O Funk é um estilo musical que está aí nas ruas, nas festas, está em todos os lugares. Hoje ele é um ritmo que predomina não só nas periferias, mas nos grandes centros também. Com batidas fortes, e empolgantes é um som agitadíssimo, fala serio, não tem como ficar parado.
  

#Funk - Basta de preconceito e criminalizarão musical - GNVision



- Basta de preconceito e criminalização


    Por muitas vezes criticamos, falamos mal e ressaltamos as piores partes para dar ênfase aos nossos discursos e convencer nossos ouvintes. E deixamos de lado os cantores que fazem apenas um som para dançar, curtir, pra requebrar mesmo. E esses nós também desvalorizamos... Isso é um erro, pois o funk tem um grande potencial, é um som de massa perfeito para mobilização social e letras de conscientização. Porque brasileiro não gosta de musica 'paradona'. É claro que nem todos farão isso, mas dentro do estilo de musica que você ouve todos fazem? Todas as letras de Rock tem um bom conteúdo? E o Rap? Samba? 
   

- Aonde você vê merda, outros vêem oportunidade

     Enquanto pessoas de mente fechada encaram o Funk como uma praga, outros percebem que encontraram a grande oportunidade que procuravam. E produzem musicas para jovens. Musicas para bailes, e promovem festas de rua. Lançam marcas de roupas, acessórios e calçados. O Funk já tem seu próprio estilo.

- Esse preconceito musicas não é de hoje


    Nossos avós fizeram com o Rock, e o Rock morreu?  Não. 
    Nossos pais fizeram com o RAP, e o RAP morreu? Não.
    E nós estamos fazendo com o Funk, e Funk vai morrer? Já sabemos a resposta, não é mesmo?!

    Isso porque a maioria é adolescente, e os mesmos tem o habito de ir contra tudo. Ir contra o mundo. Nós temos que aceitar os novos estilos musicas que vierem surgindo e sempre valorizando cada vez mais aquele que fizerem com um bom conteúdo. Ainda mais da periferia, onde o único modo de sermos ouvidos é através da musica, se barrarmos isso a favela perde a voz, fica muda.

    As vezes penso que o motivo do funk ter ganhado tanto poder nos últimos tempos são pelos buracos que o Rap, Rock e outros deixaram. Esses estilos conforme foram crescendo foram indo para o centro. Ficando as margens apenas os cantores e bandas mais undergrounds e de ideologias mais fortes. E nesses buracos o funk encontrou a força que precisava para crescer. Talvez eu esteja errado. Mas é apenas a minha opinião.